FC Porto

Peixeirada grave entre Francisco J Marques e Rui Costa

Francisco J. Marques atirou-se a Frederico Varandas depois do adiamento do julgamento relativo ao caso de difamação contra Pinto da Costa.

O adiamento deveu-se ao facto de o presidente do Sporting ter uma morada antiga no processo, o que impediu uma notificação antecipada.

Francisco J. Marques denuncia aquilo que entende ser esquemas de Frederico Varandas para evitar responder em tribunal.

Artigos relacionados

“É, objetivamente, brincar com a justiça. Quando um cidadão é constituído arguido e dá uma morada, se dá uma morada onde não reside há vários anos está a enganar a justiça. Está a fazer uma coisa que não deve fazer. Na altura em que isso foi feito, já foi com esse objetivo”, começou por dizer o diretor de comunicação do FC Porto.

“Depois, é constituído como advogado alguém que não tem acesso à plataforma Citius. É propositado! Porque agora este requerimento que chegou ao Tribunal já é com outros advogados. E estes já têm Citius“, prosseguiu.

“Isto tudo foi urdido para os corajosos fugirem à justiça. Esta gente beneficia de regimes de exceção. Isto só lhes é permitido a eles. Só às pessoas do Sporting e do Benfica são permitidas estas brincadeiras com a justiça, exatamente iguais na sua conceção às brincadeiras da amnésia, de comprar a viagem para o Brasil depois de ser notificado. É mais do mesmo”, acrescentou.

“Este caso é mais grave ainda porque se trata de alguém que sucessivamente insulta o presidente do FC Porto da forma mais covarde que existe. E, depois, para completar a covardia, urde aqui um esquema qualquer para não aparecer no tribunal. Mas por muito que empurrem com a barriga, por muito que eventualmente venham a beneficiar com a conivência do sistema judicial, mais tarde ou mais cedo terá que responder sobre isto. E não há dúvidas do que vai acontecer, porque toda a gente sabe o que ele disse e repetiu”, concluiu.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo