FC Porto

Francisco Conceição de saída do FC Porto

“Francisco Conceição está mais do que vendido”, anunciou Nuno Encarnação, na CMTV. O adeptos portista prometeu ainda escrever mais tarde, no Record, todos os pormenores sobre o contrato, que renovou com o FC Porto, que o deixa com uma cláusula de apenas 30 milhões de euros, até ao dia 15 de julho, para coincidir com a final do Europeu.

“Se fosse até ao 01 de julho, para entrar dinheiro no exercício anterior, ainda conseguia perceber alguma coisa. Assim, não consigo perceber, enfim”, lamentou o adepto, sobre um negócio que poderá ter sido muito ruinoso para o clube. É que depois dessa data, como se sabe, a cláusula sobe para os 45 milhões, o que levanta estranheza, desde que foi conhecido esse negócio, feito ainda na presidência de Pinto da Costa.

Francisco Conceição o referido em abril passado e a saída do pai, nas condições como se deu, podem ter precipitado igualmente esta mais do que provável saída. A família Conceição não escondeu o desagrado como Sérgio foi supostamente ‘traído’ pelo adjunto e as condições contratuais de Francisco são um convite à sua saída.

Em abril, a direção de Pinto da Costa assinou a contratação em definitivo do jogador, que esteve emprestado pelo Ajax. O FC Porto pagou 10 milhões pelo extremo português, que ficou com uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros até à final Europeu. E Francisco não poderia ter começado melhor a prova, ao apontar logo o golo da vitória da seleção, minutos após se ter estreado no Europeu.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo